23.7.10

Voltas(te)?

Tudo se indireita.
Bem ou mal, tudo volta ao lugar.
O sofrimento é apenas mais uma forma de crescermos e aprendermos com os erros que cometemos. Desde sempre que tenho consciência disso. Ela, a minha consciência, é a minha grande amiga e gosto de a ter leve como o vento.
E, digam o que disserem, eu sei como sou, sei o que sinto.
Só que, neste momento, não consigo dizer mais nada. O chão parece querer voltar a ser pisado por mim, mas os meus pés vão devagarinho, com medo de cairem de novo.
Mas sei que tudo vai ficar bem; fecho os olhos e sinto-o. E é aí que começo tudo de novo, outra e outra vez.

1 comentário:

nicolemorais disse...

Mais tarde ou mais cedo, tudo volta. É sempre nisto que tens de acreditar e pensar!
Contorna sempre a situação com um sorriso na cara e vais ver que deixas de estar na ponta do abismo, para veres que estás a pisar a estrada contínua que te irá guiar, para sempre, a tua vida!
Qualquer coisa, e eu estou aqui :)
Não sou essa estrada, mas sou um pilar, que é quase o mesmo :b
TUDO VOLTA, irmã! <3
Amo-te.